Dormir mal: 5 sinais que indicam a hora de trocar o colchão

Dormir-mal-problemas-falta-de-sono
Dormir mal com frequência pode aumentar os riscos de hipertensão, AVC, diabetes, depressão e diversos outros problemas de saúde.

Dormir mal significa perder um dos momentos mais importantes do nosso dia: a hora do sono. 

É durante o sono que o corpo repõe as energias e organiza a mente para o dia seguinte.

Para além da mera rotina, o sono ainda é essencial para manter o nosso corpo saudável: ele pode melhorar a nossa qualidade de vida e até aumentar a longevidade. 

👉 Você pode ler mais sobre isso no nosso post: Saiba porque dormir bem é importante.

Para ter uma boa noite de sono, alguns fatores fazem toda a diferença: iluminação, ruídos, odores e, claro, um bom colchão.

O colchão é determinante na qualidade do seu sono. Se ele não for adequado para o seu corpo, ou se já estiver danificado, provavelmente você vai dormir mal.

 

Se você tem sentido desconforto na hora de dormir, precisa resolver isso pra já! 🚨


Aliás… você lembra qual foi a última vez que trocou seu colchão? E como saber quando está na hora certa? 🤔 

A #EuroColchões preparou esse post especialmente pra te ajudar!


5 sinais que indicam a hora de trocar o colchão:


Assim como todos os objetos de consumo, o colchão tem uma vida útil. E, se pararmos pra pensar, nós o usamos bastante! Em média 8 horas diárias. 

Vamos listar aqui alguns sinais que indicam que você precisa comprar um colchão novinho em folha. 😴


1- Se o colchão apresenta deformidades

Dormir-mal-problemas-colchao-desnivelado
Colchão duro para quem tem problema de coluna é mito. Ele precisa estar de acordo com o tipo físico da pessoa para acomodar seu corpo e suportar o peso sem pressionar nenhum ponto.

Conforme utilizamos o colchão, as molas vão ficando desgastadas, a espuma vai ficando quebradiça e o preenchimento pode se deslocar no seu interior.

Quando isso acontece, algumas áreas acabam ficando mais elevadas do que outras, fazendo com que o colchão dê menos apoio ao nosso corpo. 

No geral, a durabilidade de um colchão de espuma é de 5 anos, enquanto o de molas dura 10 anos.

Aqui na #EuroColchões, confiamos tanto na qualidade dos nossos produtos que oferecemos colchões com garantia no molejo de até 10 anos, tempo muito acima da média do mercado! ✨😱

 

Quero um colchão com super garantia!


2- Se você sente dores ao acordar

dormir-mal-dores-musculares
Dados da Organização de Saúde apontam que cerca de 80% da população brasileira sofre de dores nas costas.

Um colchão precisa oferecer suporte ao pescoço, à lombar e aos quadris. Quando já está desgastado, além de fazer você dormir mal, ele pode trazer muitos prejuízos ao nosso corpo.

Desconfortos e dores nas costas ao acordar geralmente estão ligados à qualidade do nosso colchão. 

Mesmo que às vezes a gente não perceba o desgaste, o corpo pode estar dando sinais de que algo está errado com o nosso sono. Fique atento! 🧐


3- Se está sentindo mau cheiro

influencia-do-cheiro-enquanto-dormimos
Um estudo da Academia Americana de Otorrinolaringologia em Chicago (EUA) mostrou que o cheiro que sentimos durante o sono pode influenciar os sonhos. 😱

O suor é um dos grandes inimigos do colchão. Ele pode umedecer o tecido, causando mau cheiro. 

Costumamos nos preocupar com as roupas de cama e travesseiros, mas manter o colchão sempre limpo e arejado é muito importante para a sua durabilidade. 

Além disso, pessoas que têm crianças em casa também podem sofrer com o problema de urina no colchão, que, além de danificar o seu interior, causam o mau cheiro.

Outro grupo que requer mais atenção ao colchão são os fumantes. É muito importante que a lavagem das roupas de cama seja periódica porque isso evita que o cheiro penetre no colchão.

A nossa dica #Euro é pra que você conheça a nossa linha de protetores de colchões!

Diferente da maioria, ela não emite ruídos quando você se movimenta e, com isso, te ajuda a dormir melhor. 🌟


4- Se você tem alergias

dormir-mal-acaros-alergias
30% da população brasileira têm algum tipo de alergia e, deste total, 85% apresentam reação alérgica a ácaros provenientes de poeira doméstica.

Além de destruir o interior do colchão, o suor também pode te fazer dormir mal porque ajuda na proliferação de microorganismos.

Por mais certinho que você seja com a higiene do seu colchão, de qualquer modo os ácaros vão tomar conta dele! E, apesar de não transmitirem doenças, os ácaros causam alergias. 

Você pode ler mais sobre eles no nosso post Ácaros: você pode estar dormindo com um inimigo para a sua saúde. 💡

Mas não precisa se preocupar, que a #EuroColchões já resolveu esse problema pra você! A tecnologia Euro Probiotic dos nossos colchões é 100% natural e impede a proliferação dos ácaros. ✨

 

Quero me livrar dos Ácaros!


5- Se você dorme mal

disturbios-sono-trocar-colchao
Os egípcios comparavam o fato de estar deitado em uma cama sem conseguir dormir a um verdadeiro “inferno vivo”.
Dormir mal é sempre preocupante! 🚨

Se você sofre com insônia, e isso não está exatamente relacionado a nenhuma situação de estresse ou ansiedade, preste atenção. 🧐

Um efeito comum de um colchão desgastado são os distúrbios do sono.

Sono leve, cansaço ao acordar, falta de posição. A sensação de desconforto e as dores provocadas pela tensão muscular dificultam o sono.

Os distúrbios também causam sonolência e cansaço no dia seguinte. E ainda podem trazer riscos à saúde, às vezes evoluindo para quadros crônicos.


Aumentando a vida útil do seu colchão sem dormir mal


Mas, peraí, não tem como eu adiar um pouquinho a hora de trocar de colchão?

A nossa dica #Euro de hoje relembra um dos posts do nosso Blog: Cuidados com o colchão: 5 dicas para cuidar melhor do seu! 🌟

Algumas práticas de higiene e acessórios especiais podem te ajudar a aumentar o tempo de vida do seu colchão! E é claro que a qualidade dele faz toda a diferença! 


Chega de dormir mal!


Aqui na #Euro você encontra produtos que combinam tecnologia às melhores matérias-primas para voltar a dormir bem.

Basta olhar as características de cada produto e escolher as que mais se adequam ao seu corpo.

 

QUERO TROCAR MEU COLCHÃO!

 

E aí, o que achou dessas dicas? Tem alguma dúvida ou sugestão? Escreva nos comentários pra gente!

Como dormir rápido: 5 dicas para melhorar seu sono

Você costuma dormir rápido?

Sabemos que não tem nada tão frustrante quanto deitar na cama e demorar horas até pegar no sono. 

Às vezes nem levamos tanto tempo assim, mas qualquer minuto extra que passamos tentando desligar nosso cérebro parece uma eternidade, não é mesmo?!

Em tempos em que há tantas coisas acontecendo juntas, tantas coisas para prestar atenção, uma (ou mais!) noite de sono mal dormida pode estragar seu dia, sua semana e acabar se tornando um problema grave.

Bebê dormindo
Desejo do dia: dormir como um bebezinho!

Como muitos se queixam dessa dificuldade, resolvemos montar uma lista com 5 dicas de como dormir rápido para ajudar você também!

São orientações simples que qualquer um pode facilmente implementar na sua rotina, seja ela qual for. 

Esperamos que te ajudem a ter uma noite de sono mais gostosa! 🙂

Como dormir rápido: 5 dicas para melhorar seu sono

1. Determine um horário para ir pra cama e respeite-o!

Se você tem criança ou já conviveu com alguma, sabe a importância de estabelecer uma rotina para ela. 

Isso ajuda a criança a entender que existem horários para realizar as tarefas e a encará-las como algo natural e automático.

Mas uma rotina bem estabelecida não funciona só para crianças!

Mesmo quando adultos, nosso cérebro está disposto a estabelecer ligações com novos hábitos.

Por exemplo, se você começar a tomar um cafezinho todos os dias depois do almoço, em pouco tempo vai começar a sentir a necessidade de fazer isso sempre. 

Pensando nisso, que tal estabelecer um horário para ir para cama todos os dias?

Como estabelecer o horário de ir dormir?

Considere o horário em que você precisa acordar e calcule quantas horas antes você precisa se deitar para se sentir completamente descansado.

(Lembrando que a maioria da população precisa de 8 horas diárias de sono, mas isso varia de um organismo para outro. Pode ser que você precise de mais ou de menos; o importante é respeitar o período necessário para o descanso e recomposição do seu organismo.)

E se eu não conseguir dormir no horário definido?

Pode ser que você tenha mais dificuldade de ajustar sua mente no primeiro dia, principalmente se a hora definida for muito diferente do horário no qual já está habituado a se deitar. Isso é normal!

Você verá que, com o passar do tempo, seu cérebro vai começar a associar o horário escolhido como sendo o de descanso. 

Mas, enquanto isso não acontece, você pode seguir as próximas dicas de como dormir mais rápido! 😀

2. Pare de mexer em eletrônicos pelo menos 1 hora antes de se deitar

Certamente já aconteceu de você ir pra cama com sono, mas resolver dar uma última checada no celular. Quando percebeu, o sono já tinha ido embora e você já estava há mais de 20 minutos mexendo no aparelho. 

Ou então já deve ter acordado de madrugada e, só de iluminar o celular para ver que horas eram, perdeu o sono. 

Como dormir rápido: fique longe do celular
Tudo escuro e apenas a luz do celular. Todos nós já fizemos isso 🙂

Os eletrônicos estimulam o nosso cérebro, dificultando que ele entre em modo de descanso. 

Inclusive, diversos estudos apontam que usar o celular antes de dormir pode não só atrasar o sono mas também afetar sua qualidade. 

Hoje em dia, alguns aparelhos têm funções que bloqueiam a maioria das atividades por um período de tempo pré-determinado. Nesse modo, ele só realiza ações realmente necessárias (como receber chamadas de números específicos).

Mas o ideal é afastar completamente o celular perto do horário de ir para a cama.

Se você precisar dele para alguma tarefa essencial (como para despertador), busque outra solução para substituí-lo, como um relógio daqueles tradicionais que vêm com alarme 🙂

Como determinar o horário de parar de mexer em eletrônicos?

Depois de determinar seu horário de ir para cama, fica fácil definir a que horas você deve parar de mexer nos seus eletrônicos.

Programe um lembrete que avise diariamente o início desse período e convide todos os que moram com você a seguir essa proposta!

Que tal vocês usarem esse tempo pra alguma atividade em grupo, como conversar ou preparar as refeições do dia seguinte?

3. Não faça nada muito estimulante

Além de evitar eletrônicos, não faça nenhuma atividade que possa te estimular nessa última hora antes de dormir. Se você já tem muita dificuldade para dormir, o ideal é que esse tempo seja ainda maior.

E o que são “atividades estimulantes”? Aqui vão alguns exemplos:

  • Exercícios físicos;
  • Ingestão de bebidas estimulantes com cafeína ou alcoólicas;
  • Refeições com pratos pesados; 
  • Escutar música muito acelerada.

4. Estabeleça uma rotina antes de dormir 

Depois de se livrar de todas essas atividades que podem tirar o seu sono, aproveite esse período antes de dormir para realizar atividades que te relaxem. 

Assim como ter uma hora certa pra ir pra cama, repetir determinadas ações antes de se deitar ajuda seu cérebro a entender que ele deve começar a se preparar para descansar.

Use esse momento para realizar atividades que ajudem a acalmar a sua mente, como, por exemplo:

  • Ler um livro leve;
  • Acender uma vela;
  • Diminuir as luzes do ambiente onde vai dormir;
  • Tirar qualquer barulho alto;
  • Desligar o celular;
  • Borrifar essência de lavanda no seu jogo de cama;
  • Meditar.
Leia um livro antes de dormir!
Aproveite para começar a ler aquele livro que você está enrolando há um tempão!

5. Tenha um bom colchão e um bom travesseiro

Muitas vezes tentamos diversos métodos para dormir rápido, mas não percebemos onde o problema realmente está: no nosso colchão e travesseiro.

Se nós passamos ⅓ da nossa vida dormindo, é mais que compreensível que devemos investir onde passamos esse tempo, não é?!

Muitos dos clientes que chegam até nós não têm problemas para dormir, mas seu companheiro(a) tem.

Resultado?

Ela(a) passa um bom tempo se mexendo na cama antes de finalmente cair no sono. E isso acaba atrapalhando o sono do(a) outro(a).

Para evitar esse tipo de situação, nós sempre sugerimos nossos colchões de molas ensacadas

Por que ele é o melhor nesses casos?

Como cada mola é colocada a uma pequena distância da outra, sua vibração acaba sendo menor e elas conseguem responder ao movimento de cada corpo de forma individual. Ou seja, movimentos de outras pessoas não vão atrapalhar a sua noite de sono! 😉
Colchão de Molas Ensacadas: Seu sono merece o melhor

Qual é a SUA dica para dormir rápido?

Arriscamos dizer que são pouquíssimas as pessoas no mundo que não gostam de dormir.

E se uma noite de sono mal dormida pode trazer muitos prejuízos, imagina várias?

Como acreditamos na importância de você valorizar as suas noites de sono, quisemos te ajudar com essas dicas de como dormir rápido. Esperamos que tenha ajudado!

Mas, se você continuar tendo essa dificuldade, é hora de buscar por um profissional especializado em sono, tá?!

E se você também tiver alguma dica de como dormir rápido, conta pra gente nos comentários! Quanto mais informações, melhor! 

Um abraço e até a próxima 🙂

Como manter a rotina de sono nas férias

Suas férias chegaram? Isso é ótimo! Quem é que não adora um descanso? Descansar é necessário para que possamos revigorar nosso corpo e mente, para conseguir voltar às tarefas a todo vapor. Mas, a rotina de sono pode ser bastante afetada nesta época . Desta forma, como manter a rotina de sono nesse período?

Para achar a resposta dessa pergunta, você veio ao lugar certo. Quase todo mundo adora dormir, mas desregular seu sono em um período de férias pode fazer com que você demore a voltar ao ritmo depois que elas acabam. Mas, aqui, te daremos algumas dicas para evitar que isso aconteça.

Como manter a rotina de sono nas férias

Não é impossível manter a rotina de sono nas férias. Embora seja tentador passar o dia todo na cama, quando você não precisa cumprir com nenhuma obrigação, é preciso se manter ativo para que no fim das suas férias não haja problemas para retomar suas tarefas do dia a dia.

Sendo assim, você pode recorrer à dicas bem simples que irão te ajudar a não cair na tentação de continuar dormindo e desregular todo o seu sono.

Além disso, as férias também servem para serem aproveitadas, certo? Você pode viajar, conhecer novos lugares e pessoas, fazer um curso que queria há muito tempo, ou então aproveitar para passar mais tempo com a sua família.

Sendo assim, dormir demais não é legal. Você pode tirar um ou dois dias para colocar o sono atrasado em dia mas depois desse período, é hora de aproveitar o tempo livre que você tem. Afinal, nós seres humanos só precisamos de oito horas de sono para conseguir recarregar as energias.

Acorde cedo

Uma dica importante para manter a rotina de sono nas férias é: acorde cedo. Mas calma! Não precisa ser tão cedo assim. Se normalmente você levanta às seis da manhã, seria pedir demais que continuasse se levantando nesse mesmo horário.

Mas, você pode levantar às oito ou nove da manhã. Que tal? Isso te proporcionaria um tempinho a mais de sono e não ia afetar suas noites, porque você passaria boa parte do dia acordado.

Esqueça eletrônicos na hora de dormir

Algo que impede as pessoas de pegarem no sono são aparelhos eletrônicos. Muita gente se deita com o celular nas mãos e quando percebe, lá se foram cinquenta minutos nas redes sociais. Por isso, evite. Responda todas as mensagens antes de se deitar e vá para a cama sem celular, tablets ou qualquer dispositivo eletrônico.

Coloque o despertador longe da cama

Outra dica é: coloque seu despertador longe da cama. Ainda que você esteja de férias, acordar também é algo que acontece com um despertador, principalmente no período da manhã. Mas nas férias é muito fácil desligar o despertador que está ao seu lado e continuar dormindo. Então, certifique-se de que ele esteja longe de você.

Isso vai acabar te forçando a levantar para desligá-lo,assim você não corre risco de apertar o botão de “desliga” sem perceber, ainda sonolento e voltar a dormir, desajustando toda a sua rotina de sono.

Não durma em horários avulsos do dia

Ainda que você tenha muito tempo livre nas férias, não durma em horários aleatórios do dia. Isso vai fazer com que você não sinta sono ao se deitar à noite, trocando o dia pela noite, o que te impede totalmente de aproveitar suas férias como deveria.

Procure se entreter, se encontre com velhos amigos, passeie mais, estude, cozinhe ou faça qualquer outra coisa que irá preencher as horas do seu dia. Mas não durma!

Agora você já sabe como manter a rotina de sono nas férias. Siga as dicas e se livre da preguiça na hora de ter que voltar para a correria do dia a dia.

Ouvir música antes de dormir é bom ou ruim?

Quando o assunto é ouvir música antes de dormir, muitas pessoas se identificam pelo fato de realizar maior parte das tarefas diárias na presença de um fone de ouvido, escutando suas músicas preferidas. Elas deixam a vida mais leve, animada e com a nossa cara, não é mesmo? Porém, alguns tipos de música podem atrapalhar o seu sono, enquanto outras podem te ajudar a dormir. Continue acompanhando o artigo e saiba quais são as ideais para cada momento.

Um estudo científico realizado em uma Universidade na Alemanha identificou que ouvir música antes e durante o sono ajuda em algumas funções cerebrais, como concentração, humor e memória, porém não é todo tipo de música que é recomendado. Além disso, as ondas sonoras podem contribuir para uma qualidade de sono maior. De acordo com os estudiosos, ouvir música antes de dormirpode ser um ótimo estímulo quando utilizado da forma correta.

Vale ressaltar que ouvir música pode também aliviar algumas sensações do corpo, como ansiedade, mal humor e desconcentração.

Gêneros musicais para ouvir dormindo

A grande recomendação dos cientistas é optar por músicas calmas e tranquilas antes de dormir, pois elas podem contribuir para um sono leve. No entanto, evite sons agitados como rock, funk e eletrônica, visto que transmitem uma sensação de euforia e agito, o que pode atrapalhar o sono.

Crie uma playlist do sono

Já pensou em criar uma playlist do sono no seu spotify? Escolher corretamente a listagem das músicas pode contribuir muito para os resultados. Daí, quando você for dormir, é só apertar o play e confiar que nenhuma música fora do padrão irá tocar.

Ouvir música antes de dormir todo dia faz mal?

Não existe nenhuma pesquisa que relata a prática de ouvir música como prejudicial à saúde, certamente a única recomendação é tomar cuidado com o volume em que se escuta seu som, pois volumes muito altos podem afetar os tímpanos e a capacidade auditiva do indivíduo.

Viu como a música pode fazer bem à sua noite de sono? Fique ligado(a) aqui em nosso blog e fique sempre por dentro das nossas dicas e novidades!